segunda-feira, setembro 04, 2006

Viagens Polinésia - Ilhas Cook

Viagens Paraíso

Viagens Polinésia - Ilhas CookViagens Polinésia - Ilhas Cook

As Ilhas Cook são um território sob administração da Nova Zelândia, na Polinésia. Compreende dois grupos de ilhas dispersas por uma vasta extensão de oceano, as Ilhas Cook Setentrionais e as Ilhas Cook Meridionais, e ainda o Recife Beveridge. Os seus vizinhos mais próximos são Kiribati a norte, a Polinésia Francesa a leste e Tonga, a Samoa Americana e as possessões neo-zelandesas de Niue e de Tokelau, a oeste.

Um conjunto de 15 ilhotas no coração do sul do Pacífico enfeita dois milhões de quilômetros quadrados nas águas da Polinésia. As Ilhas Cook são conhecidas pela população bem-humorada e hospitaleira que deixa os visitantes à vontade para se deleitarem com a beleza de lugares como Rarotonga e Aitutaki, os principais destinos turísticos.

Rarotonga nas Ilhas Cook pode ser considerada uma miniatura do Tahiti: picos recortados e vales esverdeados permeiam a costa plana, que por sua vez é bem-formada por pequenas praias contrastadas pela brancura das areias e o turquesa das águas num recife de mais ou menos 5 km de terra.

Aitutaki nas Ilhas Cook desempenha o personagem de Bora Bora na região. A ilha é quase toda circundada por uma vasta lagoa, rasinha e povoada por abundantes seres do mar. Com o desenvolvimento de resorts de luxo e bangalôs na área, esse paraíso de corais, cores e lagoas, recentemente se tornou um dos destinos mais requisitados do Pacífico.

Descobertas pelo Capitão James L. Cook, mesmo desbravador da Austrália, as ilhas Cook prosperam com o rápido desenvolvimento da região e apresentam praias seguras, cheias de turistas sortudos e conterrâneos felizes. É possível aproveitar de várias maneiras, incluindo mergulho, mini-cruzeiros em barco de chão transparente e praias que se enquadram em qualquer idéia de paraíso. Esta é a vida.

População e Costumes das Ilhas Cook

Ao total, cerca de 20 mil pessoas vivem nas Ilhas Cook, sendo que a maioria é de origem polinésio-maorí. Há também pukapukanos no norte e uma minoria de neozelandeses, europeus e chineses. A população vive tão bem resolvida que em certos lugares é proibido fazer exercício físico e a estética dita que o bonito é ser gordo.

As danças tradicionais das Ilhas Cook são sugestivas e sensuais e lembram a cultura havaiana. De acordo com a tradição, essas danças são uma oferenda à Tangora, o Deus da Fertilidade.

Assim como o artesanato, a arquitetura nativa que restou foi muito pouca, mas ainda é possível ver casinhas feitas de materiais naturais. Os missionários contribuíram para a destruição das formas tradicionais do artesanato polinésio, e quase tudo que restou está exposto em museus europeus.

Ilhas Cook - Um paraiso

Fonte : Guia da semana

Sem comentários: